Coluna :”Really, Dani?” Crítica: Sense8 – 2° Temporada

sense8+pontos+de+vista.jpg

Na primeira Sexta feira (05) do mês de Maio, a Netflix disponibilizou 10 episódios de “Sense8” que compunham a Segunda Temporada da série e se juntam ao primeiro episodio que foi quase como um presente de Natal.

Sense8 nos trouxe 10 episódios que enriqueceram toda a mitologia da série, deixando bem claro que os 8 protagonistas da série não são os únicos Sensetes no mundo. Se o episodio especial de Natal foi criado para amenizar os danos causados pelo ultimo episodio da 1° temporada, precisaremos de um episodio descomunal (de natal esse ano) para curar o tiro que foi a finale da 2° temporada. Os personagens sofreram, aprenderam, desfrutaram e sofreram mais um pouco (dando destaque pra Sun).  Enquanto Will e Riley tentam de todo o jeito se esconder do “Sussurros”, descobrimos, numa jogada, que Will e Riley estão enganando Sussurros e vice e versa. No outro lado do Mundo, Kala sofre com seu duplo amor num triangulo amoroso que nem seu marido sabe que existe. Conectada com ela, Wolfgang vive as conseqüências da primeira temporada em que destronou o tio. Agora, Wolfgang está numa outra jogada, e conhece a primeira Sensete que não faz parte do seu grupo. Na América, Nomi e Amanita ainda estão escondidas dos Federais, salvando os outros sensetes de qualquer problema que possa ser resolvidos com internet, destaque para a cena do casamento de sua irmã em que seu pai a defende <3. Lito ainda está em toda sua transição de “O Ator mais másculo do México” para o “ator LGBT encubado”. Esse ano, o arco de Lito foi o mais complexo da série mostrando todo uma historia de homofobia que existe por trás da indústria de cinema a ponto de acabar com a carreira de uma pessoa. Sun, por outro lado, deu um novo sentido para sua vida: Vingança. Mais uma vez, seu irmão tentou matá-la e mais uma vez se livrou da morte numa cena que deixou muitas pessoas soadas de tanto nervosismo, destaque para a cena em que persegue o irmão depois de tentar matá-lo. No Quênia, Capheus vive sua vida como “O Herói”. Intitulado como defensor do povo, recebe a proposta de se candidatar para representar seu singelo vilarejo, e, nos últimos episódios se mostra como um verdadeiro deus, agindo como o próprio “Van Damme”.

As Irmãs Wachowski apresentam um novo patamar de inovação, transformando uma série que se mostrou confusa em seu inicio, como uma revolução de série que nem sempre precisa ser mastigada para seus fãs. Com cenas lindas e paisagens deslumbrantes (detalhe para a Parada Gay em São Paulo) Sense8 voltou com uma nova temporada tão maravilhosa que sugou toda a expectativa deixada pela primeira temporada. A liberdade das Irmãs para criar toda uma Mitologia e universo é algo inspirador. Criar novos personagens para aprofundar toda a conexão dos Sensetes foi algo maravilhoso; Numa cena perfeitamente linda, um Sensete consegue se conectar com outros milhares num tipo de Bate-papo de cérebro e quando Wolfgang e a turma conseguem descobrir outros sensetes num restaurante e começam uma luta cerebral que acaba numa chacina e Wolfgang sendo procurado por assassinato. Sensete se fortaleceu. Apareceu como uma série confusa, mas se tornou um marco na TV por streaming. Aqui só haverá elogios a essa série que se tornou uma de minhas favoritas.

Sense8 ainda não foi oficialmente renovada para uma 3° temporada pela Netflix, mas está próximo. Produtores têm dado indícios que a Terceira poderá ser a ultima temporada. Isso é triste, mas eu sou do grupo de pessoas que acham que uma série deve acabar enquanto está por cima. Esperemos novidades. “Critica by: Relly, Dani?”

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s